sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Boas Festas



O Miminhos vai de férias.




Amanhã viajo para o frio do continente, para passar as festas em família. Desejo a todos os visitantes, um santo Natal e um ano novo cheio de miminhos e carinhos.


Até para o ano.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Canções de Natal

Estas duas canções :"Meu sininho" e "Era uma vez uma estrela", vão ser interpretadas pelos meninos da sala dos Pintainhos na festa de Natal da nossa escola.
Para todos os que não se podem deslocar ao cine-teatro Lagoense, aqui fica uma amostra. Basta clicar nos links abaixo:

sininho.wma

Era_uma_vez_uma_estrela.wma

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Pinheirinho







sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Postais de Natal







Os nossos postais este ano foram feitos com limpa-cachimbos que os meninos enrolaram em forma de caracol.

domingo, 23 de novembro de 2008

ALERTA

Está aberto um concurso de Natal no meu outro blogue "Bonecos e Trapos."
Quem se quiser candidatar a um miminho de minha autoria, faça favor de espreitar.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Gráficos












Andamos em maré de gráficos. Quadros simples de duas entradas onde se pode contabilizar tudo e mais alguma coisa. Aqui estão apenas dois dos exemplos usados este ano:

Este serviu para contar quantas letras têm os nossos nomes. Os nomes foram copiados pelos meus meninos no computador (estou tão orgulhosa), nomes esses que depois recortaram, letra a letra e que colaram de forma a "escrever" o seu nome. Ficámos a saber quantos de nós têm 3, 4...8 ou 9 letras no seu nome. Qual de nós tem o nome maior. Qual de nós tem o nome menor...

Gráficos

Este serviu para contabilizarmos a cor predominante nos olhos dos pintainhos. Chegámos à conclusão que a cor que impera é o castanho escuro.





quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Sobre o Natal...


...Quando chegaram a Belém, todas as casas estavam cheias e já não havia camas para eles. Sabem o que fizeram?
Resposta de uma dos meus meninos: "Foram ao hiper comprar camas"
A beleza da inocência é isso mesmo, encontrar soluções facéis para problemas difíceis.

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Ciência divertida




Quinzenalmente a sala dos Pintainhos recebe a visita do programa Ciência Divertida.
Hoje fizemos sabonetes, tão fácil e tão divertido.
Glicerina, aroma e corante alimentar. Esta mistura foi ao microndas até derreter e foi só deitar nas formas e deixar arrefecer. Ficou um cheirinho tão agradável na nossa sala... HUM!

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Mais um agradecimento







A sala dos pintainhos ganhou hoje umas prateleiras novas, as quais muita falta faziam.



Andava eu às voltas com a tentativa de encontrar um carpinteiro que tivesse algum tempo disponível para as realizar, quando me lembrei de lançar esse desafio ao pai do Francisco, o senhor José Melo que, não se limitando a aceder ao pedido, construiu-as, pintou-as, não cobrou nada e ainda pediu licença ao seu patrão para as vir aplicar hoje à nossa sala.
O sentimento de gratidão para com este gesto é enorme...
Obrigada senhor José por este gesto tão bonito, estou-lhe muito agradecida, e certamente os Pintainhos também.
Só lamento amanhã estar requisitada para uma formação relativa à operacionalização da avaliação docente (na condição de avaliadora) e não poder assistir aos olhares de espanto e aos sorrisos que o seu trabalho vai certamente despertar nas crianças :(
Vamos finalmente deixar de "tropeçar" nas nossas caixas de trabalhos.

Biscoitos de castanha
















Hoje foi dia de culinária na sala dos Pintainhos.
Em conformidade com a época e com o facto de muitas das crianças não serem grandes apreciadoras de castanhas, confeccionámos biscoitos com esse ingrediente e espantem-se as mães mais cépticas: Não é que todos gostaram???


No final fizemos um pictograma com a receita para os meninos levarem para as suas mamãs.
Fica a receita para quem quiser experimentar:

0,5 kg de castanhas cozidas
125gr. de manteiga
150gr. de açúcar
200gr. farinha
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de fermento
Coza as castanhas e reduza-as a puré.
Amasse o açúcar com a manteiga e junte o puré de castanha.
Em seguida junte a canela, o fermento com a farinha e amasse novamente. Forme bolinhos e coloque num tabuleiro untado. Vai ao forno muito quente.
Bom apetite

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Bruxas e companhia - Canção das bruxas na escola

Uma gravação caseira? Caseira não: Caseiríssima.
Esta melodia pertence à colecção "Vamos cantar com música a acompanhar" a adaptação é de minha autoria, minha e dos meus meninos, que adoraram a experiência de inventar uma nova letra para uma música que já conheciam :)

video

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Bruxas e companhia
















Bruxas e companhia




A bruxa Castanha





Numa casa muito estranha
Toda feita de chocolate
Vivia uma bruxa castanha
Que adorava o disparate

Punha os copos no fogão
As panelas na banheira
Os sapatos nas gavetas
As meias na frigideira

Escrevia com fios de água
Dormia sempre de pé
Cozinhava numa cama
E comia no bidé

Varria a casa com garfos
Limpava o pó com farinha
Deitava 100 gatos na sala
E dormia na cozinha.

António Mota

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Obrigada

Hoje deparei-me com mais de 50 mil visitas ao Miminhos e carinhos, fiquei perplexa.
Passo muitos dias sem olhar para a contagem dos visitantes, hoje foi diferente.
Então dei por mim a abrir o meu perfil para me certificar de quando é que me tinha iniciado nestas andanças: foi em Fevereiro, o dia não sei ao certo, mas penso que terá sido por volta do dia 20…
50 Mil visitantes… estou estupefacta!
Que hei-de eu dizer senão obrigada?
Obrigada a todos os que me visitam;
Obrigada a todos que me visitam e se apresentam;
Obrigada a todos os que me visitam, se apresentam e ainda deixam o seu comentário;
Obrigada a todos que me têm agraciado com os seus selos, que apesar de não retribuir (como já foi explicado por mim anteriormente), o continuam a fazer;
Obrigado, acima de tudo a todas as crianças em geral, mas mais particularmente aos meus pintainhos, como lhes chamo, porque são eles a razão de tudo.
Obrigada

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Desculpa... por acaso és uma bruxa?


Estou apaixonada por este livro. Esta minha paixão alastrou-se aos pintainhos.
Conta a história do Leonardo, um gato preto habituado à solidão e ao frio, que encontra numa biblioteca o aconchego que deseja.
Um dia descobre na enciclopédia das bruxas, que elas, entre outras coisas, gostam muito de gatos pretos. Aí começa uma busca cheia de peripécias, algumas frustrações… mas ele nem imagina o que o espera...

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Dia da alimentação




Pouco a pouco, os pintainhos foram-se apercebendo da hierarquia que a pirâmide dos alimentos impõe.
Podem dizer-me que defendem a tradicional roda dos alimentos, há nutricionistas que a defendem, como também há outros que defendem a pirâmide. Os pintainhos conheceram as duas, no entanto realizámos uma pirâmide e todos eles sem excepção perceberam que o que se encontra no topo são os alimentos que devemos comer menos vezes, como o açúcar, as gorduras e famosos sumos e chipicao, de que eles tanto gostam.
Hoje aconteceu um episódio engraçado: um dos meninos que costumava comer um desses famosos bolos, apareceu com um iogurte para o lanche. Perguntei porquê e obtive por resposta “O chipicao faz mal porque tem açúcar e gordura e não se pode comer todos os dias”

terça-feira, 14 de outubro de 2008

A manta de histórias numa sala cheia de pintainhos






Já andávamos a merecer um miminho do Bonecos e Trapos na sala dos pintainhos.

Tanto que todos eles têm gostado... Todos têm querido contar a história (coisa que até ali era um pouco difícil para alguns).

Agora, com esta ajuda preciosa, tenho conseguido que alguns dos pintainhos mais tímidos, se atrevam a abrir as asas para experimentar vôos mais arriscados.

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Declarações de amor

"Professora tu pareces uma Barbie Doll"
"Professora tu pareces a princesa bailarina"
Palavras para quê?

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Chamar o silêncio 3

Tenho andado pelo Bonecos e trapos, mas hoje lembrei-me desta canção que chama tão bem o silêncio.
Foi-me ensinada pela minha amiga Alice Paquete, que tem 6 anos e me tem enriquecido com o brilho da amizade incondicional.
Espero que gostem
video

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Quadro do tempo




Deixo-vos aqui um exemplo de utilização das figuras do quadro do tempo confeccionado no Bonecos e Trapos.
Os meninos da sala dos Pintainhos, estão apaixonados por figuras tão simpáticas.


domingo, 21 de setembro de 2008

Chegaram novidades ao Bonecos e Trapos


Boneca das novidades

Aplicando no vestido adereços relativos a várias temáticas, serve para trabalhar tudo e mais alguma coisa, alimentos, estações do ano, formas geométricas, etc.

Dêem uma espreitadela

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Chamar o silêncio 2


Depois de ter disponibilizado uma canção para chamar o silêncio, desta feita, partilho convosco uma lengalenga, muito apreciada pelos meus meninos:


Um, dois, três

Perninhas à chinês!

Quatro, cinco, seis

Bracinhos já sabeis!

Sete, oito, nove

Boquinha não se move!!!

Comecei o ano assim

O novo ano lectivo já começou há 10 dias, no entanto acho que não é tarde demais para vos apresentar a história com a qual iniciei o ano com os meus meninos.
Foi partilhada, pela minha brilhante colega Maria de Jesus Sousa (Juca) no site @rca comum, a quem aproveito para agradecer toda a entrega e partilhas com que nos brinda, e sempre de uma forma tão simpática e agradável.
Muito obrigada Juca, por tudo o que tenho aprendido contigo.
Os meus meninos adoraram a história e no final todos levaram também um beijinho na mão para as suas mamãs.
Leiam, que é uma delícia.

A história “Um beijo na mão”

Era uma vez um guaxinim chamado Chester, que vivia na floresta com a sua família.
Chegou o mês de Setembro e a escola estava quase a começar. Mas o Chester não queria ir para a escola! Ele gostava tanto, tanto da sua mãe, que não queria separar-se dela… por isso andava triste e assustado, com a ideia de que o dia de ir para a escola estava mesmo quase a chegar.
A mãe explicou-lhe que a escola era muito bonita e a professora muito amiga, mas não adiantou nada, o Chester continuava triste e preocupado!
Até que chegou o grande dia e a mãe, ao vê-lo triste, contou-lhe um segredo muito antigo, chamado “um beijo na mão”. Abriu-lhe a mãozinha e beijou-a carinhosamente. O Chester sentiu o calorzinho do amor da mãe, que subiu da mão para o braço e do braço para o coração e ficou logo a sentir-se melhor. “Quando estiveres triste ou assustado, encosta a mão à tua cara e verás que logo ficas bem!” disse-lhe a mãe.
E assim foi, o Chester foi para a escola contente e tudo lhe correu bem, pois sabia que podia separar-se da sua mãe, mas o amor dela estava sempre no seu coração!

Vitória, vitória, acabou-se a história!
Está a história acabada e a minha boca cheia de marmelada!

sábado, 13 de setembro de 2008

Resposta à Bé

Olá Bé
A ideia surgiu, pois há dois anos usava um quadro de tarefas com cartões com o nome das crianças, mas uns malandrecos dirigiam-se ao quadro, trocavam os cartões dos colegas e ainda me vinham fazer queixinhas, de que fulano de tal não estava cumprir o quadro lol.
No ano passado usei cordões, mas emaranhavam-se muito e os mais pequenitos levavam-nos à boca.
Este ano a moda são as braceletes, que fecho/fecham com velcro. Para já têm resistido, e não se partiram, mas os meus meninos já são atinados e já sabem abri-las sem forçar a EVA.
Quanto às áreas que tenho na sala elas são:

Biblioteca
Computador
Jogos do chão
Jogos da mesa
Plasticina / modelagem
Bonecos (casa em miniatura)
Casinha
Cabeleireiro
Quinta /área dos animais

Há ainda a área da pintura que geralmente não é usada como espaço de utilização livre, devido às limitações de espaço da sala, que com 23 crianças começa a ficar apertada...

Quando tirar fotos à sala, coloco aqui

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Organizando a brincadeira


Na sala dos pintainhos já se brinca com regras.

O facto deste já ser o segundo ano de frequência do Jardim-de-infância de cerca de 75% das crianças, ajudou a criar um clima de maior organização da sala, diferente daquele que se vive neste primeiros dias, numa sala onde a maioria das crianças frequenta pela primeira vez.

Todas as áreas foram identificadas com uma cor, uma imagem e com o título correspondente. Delas, apenas um certo número limitado de crianças pode usufruir ao mesmo tempo. A ideia é fazer circular as crianças pelas áreas do modo mais organizado possível.

Quando uma das áreas tiver lotação esgotada, nada mais há a ser feito pelas crianças do que esperar por uma oportunidade para entrar, ou negociar com quem está na área pretendida, a troca de espaços.

Desta forma, as crianças, aprendem desde cedo a respeitar as regras de convivência.

No ano lectivo transacto, os pintainhos usavam um cordão ao pescoço, este ano construí umas braceletes em EVA que decorei com as imagens que correspondem a cada área ou cantinho, que as crianças usam no braço esquerdo.

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Eu?! Sou Educadora e adoro :)

Recebi esta animação em power-point da minha amiga e colega Mara Silva, nela estão expressos os sentimentos de todas, que como eu, são educadoras por paixão e que acreditam que tem a mais bela profissão do mundo.


basta clicar no link

Educadora.pps

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

De volta pronta para mais um ano


Um novo ano começa, cheio de expectativas e ideias.

É já na segunda-feira que vou receber de novo os meus "pintaínhos".

Deixo-vos aqui, o texto que escolhi para um panfleto que irei entregar aos Encarregados de Educação, de forma a esclarecer alguns dúvidas que têm vindo a formar-se relativamente aos objectivos da educação pré-escolar




Só a Brincar”

Quando me virem a montar blocos
A construir casas, prédios, cidades
Não digam que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender sobre o equilíbrio e as formas
Um dia, posso vir a ser engenheiro ou arquitecto.

Quando me virem a fantasiar
A fazer comidinha, a cuidar das bonecas
Não pensem que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a cuidar de mim e dos outros
Um dia, posso vir a ser mãe ou pai.

Quando me virem coberto de tinta
Ou a pintar, ou a esculpir e a moldar barro
Não digam que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a expressar-me e a criar
Um dia, posso vir a ser artista ou inventor.

Quando me virem sentado
A ler para uma plateia imaginária
Não riam e achem que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a comunicar e a interpretar
Um dia, posso vir a ser professor ou actor.

Quando me virem à procura de insectos no mato
Ou a encher os meus bolsos com bugigangas
Não achem que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a prestar atenção e a explorar
Um dia, posso vir a ser cientista.

Quando me virem mergulhado num puzzle
Ou nalgum jogo da escola
Não pensem que perco tempo a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a resolver problemas e a concentrar-me
Um dia posso vir a ser empresário.

Quando me virem a cozinhar e a provar comida
Não achem, porque estou a gostar, que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a seguir as instruções e a descobrir as diferenças
Um dia, posso vir a ser Chef.

Quando me virem a pular, a saltar a correr e a movimentar-me
Não digam que estou só a brincar
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender como funciona o meu corpo
Um dia posso vir a ser médico, enfermeiro ou atleta.

Quando me perguntarem o que fiz hoje na escola
E eu disser que brinquei
Não me entendam mal
Porque a brincar, estou a aprender
A aprender a trabalhar com prazer e eficiência
Estou a preparar-me para o futuro
Hoje, sou criança e o meu trabalho é brincar.


(Poema de origem desconhecida)

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Correntes e selos

Olá a todos
Apesar de estar de férias, nas poucas visitas que aqui faço, descobri vários comentários de amigas blogueiras que me têm enviado selos para colocar o Miminhos.
Quero que saibam que é para mim uma grande honra ser nomeada por vós, de blog favorito ou "aconselhável".
Sendo assim, é natural que se comecem a interrogar por que é que ainda não viram aqui os vossos selos e as vossas correntes no meu cantinho?!
Amigas apesar de me sentir honrada, não faz nada o meu género esse tipo de correntes.
Quero pedir desculpa a todas, mas como devem compreender, não vou colocar no meu espaço, algo que não me diz grande coisa. Desculpem-me a franqueza
Beijinhos a todas e espero ser compreendida

domingo, 13 de julho de 2008

Alface - rebola xuxu

Uma canção para explorar o tema da alimentação.
Mais uma, que os meus meninos gostam muito.
Criei uma coreografia, adaptada à letra e muito divertida para acompanhar a mesma.
Aprendam e dêem asas à imaginação.



video

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Chamar o silêncio

Esta é a canção que costumamos cantar na nossa sala, quando queremos chamar o silêncio.



video

Chamar o sono

Há muito tempo que não trazia novidades ao Miminhos.
Hoje, apesar da garganta inflamada, do ligeiro resfriado e dos dedos enferrujados para a guitarra, senti vontade de lembrar uma canção que aprendi no meu primeiro ano de serviço.
Em honra das amigas que são mães há pouco, ou que estão à espera do seu primeiro rebento, apresento-vos uma canção para fazer adormecer os mais pequeninos.
Cláudia; Raquel; Ró; Bia e Susete: esta é para vós!!!

video

terça-feira, 1 de julho de 2008

O tempo pergunta ao tempo... A Alda ainda tem tempo?

Depois de aranhas e algumas teias, eis que me vejo como legal representante do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica.
Saem dois quadros do tempo para as colegas da EB1/JI Dr. José Pereira Botelho e mais um sol para o Miguel
Só ainda não consegui fazer o anticiclone dos Açores. Hi Hi Hi
Um pedido de desculpas ao Miminhos, ando embeiçada pelo Bonecos e Trapos, a escola sempre a dar muito que fazer... e ele (o tempo) não estica. O trabalho duplica, triplica, sei lá...
Prometo compensar, quando o novo ano lectivo começar.